Voltar para o blog

4 dicas práticas para evitar a violação de dados

Bruno Lacerda
Bruno Lacerda 06/11/2023
4 dicas práticas para evitar a violação de dados

Segurança

A violação de dados, também chamada, data breach, acontece quando a empresa sofre algum tipo de invasão de hackers e ransomwares, ou quando acontecem falhas no sistema, ou ainda por meio de erros humanos.

Segundo a LGPD algumas práticas que ferem as suas normatizações são consideradas violações de dados, como vazamento de dados, coleta não autorizada de dados pessoais, compartilhamento indevido de dados, falta de segurança adequada etc.

Neste artigo, você vai conhecer algumas estratégias que ajudam a evitar violação de dados na empresa. Acompanhe!

Conheça as consequências de não evitar a violação de dados

A violação de dados é um acontecimento grave e que pode resultar em acontecimentos bem desagradáveis para o negócio, como:

  • perda de confiança pelos clientes;
  • risco de roubo de identidades;
  • impacto financeiro negativo;
  • repercussões legais;
  • perda de conformidade.

Saiba como evitar violação de dados na empresa

É importante saber que a violação de dados é um transtorno que pode ser consideravelmente evitado quando ocorre uma gestão documental eficiente na empresa. Observe o que pode ser feito. 

1. Criptografe dados

Criptografar os dados dos arquivos da sua empresa é uma medida para garantir a segurança das informações. Ela tem a competência de transformar dados em códigos indecifráveis, com isso, protege as informações contra acessos não autorizados. Por mais que as informações sejam interceptadas, a criptografia dificulta a interpretação das informações, o que torna o acesso quase impossível.

2. Faça avaliações de vulnerabilidade periodicamente

Para que as informações dos arquivos da empresa não fiquem acessíveis a ataques de invasores é essencial que os scanners de vulnerabilidade aconteçam com maior frequência. O mais recomendado é que sejam feitas todas as semanas. As varreduras devem acontecer tanto em sua rede interna como externa.

3. Treine a equipe

É importante que a equipe de TI da empresa esteja alinhada com as normatizações que a LGPD determina sobre a violação de dados, pois, é a partir desses conhecimentos que os profissionais podem encontrar meios preventivos de atuar para que os dados dos arquivos sejam guardados com segurança. Treinar a equipe é uma ótima medida para evitar danos voltados sobre a invasão de dados.

4. Adote ferramentas de proteção de dados

Além dos conhecimentos sobre formas preventivas de violação de dados, é imprescindível que a empresa esteja amparada com ferramentas inovadoras e atualizadas, afinal, esse tipo de cuidado e abordagem é realizada por meio de funções específicas.

Veja como um empresa especialista pode ajudar

Uma medida imprescindível para evitar a violação de dados na instituição é contar com uma empresa terceirizada que tem experiência na guarda de documentos. A eBox Digital, por exemplo, faz uso da plataforma Azure da Microsoft, que é referência quando se trata de infraestrutura em nuvem. O Azure segue rigorosamente as normas de conformidade internacional e específicas, dentre elas:

  • HIPAA;
  • FedRAMP;
  • SOC 1;
  • SOC 2;
  • ISO 27001.

A partir dessas regras, a eBox Digital oferece aos seus clientes 99,9% de disponibilidade garantida, banco de dados criptografado, tráfego 100% criptografado e informações geo-replicadas.

Percebeu como as violações de dados citadas pela LGPD podem ser evitadas e superadas por meio de iniciativas que ajudam a empresa a sentir-se mais tranquila no que se refere à proteção de dados? Como você viu, a eBox Digital tem a ferramenta ideal para cuidar dos dados da sua empresa e ajudá-la a estar em conformidade sempre.

Quer deixar os dados da sua empresa no mais alto grau de proteção? Então, faça contato conosco e vamos conversar sobre o assunto.

Gostou? Inscreva-se e receba novidades!

Bruno Lacerda
Escrito por

Bruno Lacerda

Graduado em análise e desenvolvimento de sistemas, possui MBA em gestão estratégica de TI pela FGV com extensão internacional pela Universidade da Califórnia, Irvine. Lidera o time de tecnologia da eBox. Mais de 18 anos de experiência em tecnologia da informação, gestão documental e terceirização de processos, tendo, inclusive, conquistado certificações relevantes nestas áreas ao longo da carreira.

Confira outros artigos

Política de segurança da informação: como elaborar? Entenda mais aqui!

Segurança

Política de segurança da informação: como elaborar? Entenda mais aqui!
Leia mais
NDA: saiba mais sobre o contrato de confidencialidade!

Gestão

NDA: saiba mais sobre o contrato de confidencialidade!
Leia mais